Anamaco

Boas Práticas Públicas

 

Neste espaço, você encontra propostas para apresentar aos candidatos para prefeito ou vereador com os quais você tem contato. Todos eles contribuem para a melhoria da cidade, possuindo reflexos diretos em nosso segmento e ampliando o consumo de materiais de construção.

 

Conte-nos suas iniciativas para compartilharmos nesta página!

 

Abaixo, conheça projetos apoiados pela Anamaco que contribuem com o desenvolvimento do setor de material de construção e do país como um todo – são os chamados Projetos de Boas Práticas Públicas.

 

SOLUÇÕES PARA CIDADES: programa de apoio aos municípios com o objetivo de “acelerar e qualificar o desenvolvimento urbano, através de projetos, parcerias e transmissão de conhecimento aos administradores municipais e demais atores urbanos”.

 

MANUAIS E CARTILHAS – Orientações sobre a execução de projetos

MOBILIDADE

SANEAMENTO 

HABITAÇÃO

ESPAÇOS PÚBLICOS

GUIA PRÁTICO PARA A CONSTRUÇÃO DE CALÇADAS 

USO RACIONAL DA ÁGUA

 

INICIATIVAS INSPIRADORAS DO PROGRAMA:

 

MOBILIDADE

Sistema cicloviário integrado do DF: com uma infraestrutura composta de ciclovias e vias cicláveis, o sistema possui o intuito de oferecer a opção de transporte de bicicleta em condições de segurança e conforto à população. Confira aqui.

Calçada sustentável em Goiânia: programa estruturado de calçadas conscientes, acessíveis e sustentáveis, que favoreçam a mobilidade e a acessibilidade, valorizando a permeabilidade do solo e a drenagem urbana e promovendo a livre e segura circulação pela cidade. Confira aqui.

Planejamento Cicloviário da Tijuca – RJ: planejamento para incentivar o aumento do uso da bicicleta de maneira segura e confortável. O processo contou com a realização de um workshop participativo envolvendo poder publico e sociedade civil. Tudo ocorreu em apenas dois dias, num processo que pode ser replicado em outras cidades. Confira aqui.

Programa Calçada Segura em São José dos Campos – SP: baseado em sete premissas, o programa visa orientar um programa de reformas que ajudarão a mudar não somente as calçadas, mas a forma como todos os moradores se relacionam com o espaço público e a cidade. Veja todos os passos aqui. 

 

SANEAMENTO

Residencial Vale dos Cristais: primeiro bairro inteiramente planejado da região metropolitana de Belo Horizonte, o desenvolvimento do Projeto de Manejo de Águas Pluviais nasceu com o objetivo de manter as condições hidrológicas da área em seu status existente antes da construção do empreendimento. Confira aqui.

Estádio Mané Garrincha: o Estádio recebeu técnicas compensatórias que proporcionarão manejo adequado da água de drenagem pluvial, disponibilizando água com qualidade apropriada para aproveitamento no interior do estádio, atendendo 100% da demanda anual de consumo para fins não potáveis em rega do gramado, uso em vasos sanitários e reserva de incêndio. Confira aqui.

Riviera de São Lourenço: veja aqui como funciona o sistema de saneamento, conhecido mundialmente como referência de planejamento e implantação, que pode servir como referência para municípios e condomínios para a implantação de sistemas eficientes de água e esgoto. Veja aqui.

 

HABITAÇÃO

Reconstrução de moradias com concreto PVC: plano para a construção de habitações de interesse social, no qual as primeiras moradias foram realizadas por ação da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo (CDHU) com apoio de diversos parceiros, visando à rapidez de construção e à qualidade dessas edificações. Veja aqui.

Programa Terra Mais Igual: iniciativa de gestão pública que tem como pressupostos a integração institucional e o fortalecimento dos processos de participação popular na elaboração, implantação e avaliação de um Plano de Desenvolvimento Local Integrado (PDLI) nos territórios onde o programa atua. Veja aqui.

 

ESPAÇOS PÚBLICOS

Requalificação da rua Oscar Freire: o Soluções para Cidades apresenta como o espaço público dos cinco principais quarteirões da Rua Oscar Freire foi totalmente reconfigurado, resolvendo-se os problemas de acessibilidade, enterrando a fiação elétrica e equipando as calçadas com mobiliário urbano, iluminação e paisagismo adequados. Veja aqui.

Parque Cantinho do Céu – SP: ampliação da qualidade de vida à uma área periférica, destituída de qualquer opção de lazer e entretenimento, e o resgate da autoestima de seus moradores. Veja aqui.

SILO – Sistema Integrado de Licenciamento de Obras

Conheça mais sobre o sistema integrado online para análise simultânea de projetos em prefeituras. Seu objetivo é "oferecer uma plataforma 'open source' (licença aberta) aos municípios, capaz de integrar informações e serviços necessários durante o processo de aprovação de projetos de Engenharia e Arquitetura junto às Secretarias de Obras das Prefeituras e posterior acompanhamento da execução até o 'Habite-se'".

Programa "1 Solar em Cada Casa"

A energia solar térmica atua na redução da ponta de consumo, utiliza tecnologia e matérias-primas nacionais e gera 100% dos empregos no Brasil, diferentemente de recentes alternativas, que, embora úteis e em constante desenvolvimento, ainda dependem, em sua totalidade, da importação de produtos e componentes, como é o caso dos sistemas fotovoltaicos.

Conheça aqui o programa da ABRAVA que visa ampliar a oferta de energia elétrica e o aproveitamento dos recursos naturais de forma sustentável, promovendo oportunidades de disseminação dos benefícios da utilização da energia solar para aquecer água, de forma limpa e econômica para as famílias, através do uso de aquecedores solares, e que objetiva constituir-se como uma política de governo.

 

Outros projetos:

Antipichação: Por meio do programa, quando um imóvel particular é pichado pela primeira vez, o proprietário fornece a tinta para a pintura e a prefeitura disponibiliza a mão-de-obra. No caso de reincidência, o poder público se responsabiliza por todo o serviço. Além disso, a equipe do Programa Antipichação limpa os locais públicos, como os viadutos. O grupo é formado por servidores públicos, bolsistas, prestadores de serviços (apenados) e jovens com menos de 18 anos encaminhados pela Justiça (quando são flagrados pichando).

Cidade Limpa: São Paulo se tornou a primeira cidade a colocar em prática uma restrição severa às propagandas em outdoors através da padronização e redução das placas de propagandas em propriedades privadas, públicas e fachadas comerciais. A lei tem o objetivo de aumentar o conforto no trânsito de veículos e pedestres pela cidade, aumentar a segurança de prédios e indivíduos, garantir o fácil acesso a serviços públicos em vias de transito livre. A lei ainda regulamenta o tamanho de placas de propaganda e obrigou diversas companhias importantes a reduzir substancialmente suas placas através de uma formula baseada no tamanho das respectivas fachadas comerciais.

Formação de Pintores: O sistema de pintura Airless é amplamente utilizado nos EUA e Europa. Também chamado de Pintura Inteligente, ou Pintura Rápida, ele utiliza um equipamento especial, semelhante ao utilizado em pintura automotiva. Tal tecnologia tem a capacidade de aumentar a produtividade dos pintores, resolvendo um dos grandes problemas do setor que é a falta desses profissionais, contribuindo também para reduzir o elevado preço para se orçar uma pintura. O programa de treinamento de pintores já é desenvolvido na Loja Escola do Varejo da Anamaco e, até o momento, ja capacitou mais de 230 pintores. O processo apresenta inúmeras vantagens com relação aos sistemas convencionais de pintura (rolo, pincel, brocha, etc).

Itajaí Mais Linda: Implantado em setembro de 1999 pela Prefeitura Municipal de Itajaí, o projeto transformou-se em lei que concedeu descontos no IPTU, aos cidadãos que pintarem as fachadas de suas casas ou reformarem suas calçadas. A lei incentivou as pessoas a preservarem o lugar em que vivem, tornando a cidade mais bonita eatraente para visitantes e turistas.

Medidores Individuais: Para promover a cobrança justa das contas de água e esgoto em prédios de apartamentos, onde essa despesa já vem cobrada dentro do condomínio, a Anamaco propõe a colocação de medidores individuais para que cada condômino pague pelo seu consumo. É injusto que a conta seja rateada e deve-se considerar o número de moradores em cada unidade e a consciência de cada um quanto à questão do uso racional da água.

Passeio Livre: É direito do cidadão transitar de forma segura e confortável e, justamente por isso, a Prefeitura de São Paulo lançou, em janeiro de 2005, o projeto Passeio Livre, focado na fixação de um novo conceito para passeio público, padronizando calçadas, melhorando a drenagem, garantindo a circulação de pedrestes e portadores de necessidades especiais e melhorando os imóveis urbanos.

Tá Rebocado: Desenvolvido pela Associação Pracatum Ação Social - APAS, para a área do Candeal Pequeno, em Salvador (BA), e é considerada uma experiência bem sucedida que tem o associativismo como foco na sua concepção e execução. Tem o objetivo de Estimular, desenvolver e garantir a participação comunitária no processo de organização do Candeal Pequeno, com vistas ao desenvolvimento econômico, social e cultural do bairro e à consequente valorização e inclusão social de seus moradores. Tal objetivo está sendo alcançado através de ações estratégicas e integradas.

Uso Racional da Água: Levantamento feito pela Anamaco (Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção) indica que o Brasil precisa trocar cerca de 100 milhões de bacias sanitárias. São produtos antigos, que gastam, em média, 5 vezes mais água por descarga do que os encontrados hoje no mercado. Estudos realizados mostram que 35% da água de uma residência se esvai através dos vasos sanitários.





Novos Parceiros

Pesquisas

Prêmio Anamaco

TOP Anamaco

Escola do Varejo Anamaco